O mundo da fantasia na criança – Parte III
Desenvolvimento Infantil/Desenvolvimento cognitivo/Socioemocional/Rotina pedagógica
0 Comments

O mundo da fantasia na criança – Parte III

Dicas 

Depois de falar sobre a fantasia de maneira teórica e prática agora é hora de aprofundar o tema de um jeito mais divertido, não é mesmo?

Pra entrar nessa onda de imaginação e criatividade no universo infantil, selecionei algumas dicas para você aprofundar nesse tema que é tão rico no desenvolvimento infantil. São algumas produções animadas amadas pelas crianças e  algumas dicas de filme que são bem interessantes para percebermos através da ótica da criança, como se dá as relações com a fantasia.

É uma oportunidade para compreender este mundo tão cheio de imaginação e encantamento.

Animações:

Meu amigãozãomeu amigaozao

A animação é voltada para crianças de 3 a 7 anos e incentiva o tema amizade.

 Yuri, Lili e Matt são três crianças que vivem aprontando e se metendo em aventuras com seus amigos imaginários.  Um canguru carente, uma girafa otimista e um elefante carinhoso compõe um cenário de pura diversão e descoberta. Assim, em cada episódio, essas crianças aprendem sobre diferentes temas como o medo, egoísmo, curiosidade e, principalmente a amizade. A série é muito legal para estimular a criatividade e imaginação das crianças.

Mansão Foster para amigos imaginários.mansão foster

Um desenho animado que retrata um mundo mágico, em que é só uma criança pensar num amigo imaginário e ele ganha vida! Entretanto, conforme as crianças vão crescendo, essas criaturas são abandonadas.

Para que os amigos imaginários não fiquem desolados,  a Madame Foster criou um lar para receber os monstrinhos. A ideia é que, no futuro, cada monstrinho poderá encontrar outras crianças para aprender e brincar!

O Diário de Mika

diário de mika amigos imaginários

A animação mostra a vida de Mikaela, uma menininha super curiosa e criativa, que quando se sente curiosa com alguma coisa vai logo correndo contar tudo para o seu diário!
Assim que Mika entra em seu quarto, uma espécie de mágica acontece e seus amigos imaginários ganham vida e assumem um traço de sua personalidade.

Filmes

Uma família em apuros

Uma-Família-em-ApurosUm filme que mostra a realidade de uma família moderna  e passa a conquistar o público com a inesperadas táticas de criação dos avós para com seus netos.

Eles vão mergulhar no universo infantil e ensinar o que é ser criança de verdade, com direito a amigo imaginário e tudo mais.

 

Náufrago

O filme retrata a necessidade de um homem social, acostumado a relacionar-se com diversas pessoas e, de repente, vê-se isolado de tudo e todos. Na sua ânsia de comunicar-se para não enveredar em um estágio de loucura, entra então em cena um personagem inusitado, a bola de voleibol da marca Wilson.

Wilson ganha vida e feições humanas, um verdadeiro amigo imaginário. Apesar de acontecer com um adulto, a reflexão é muito válida porque nos proporciona um mergulho na menta humana e nos faz aprofundada sobre o tema fantasia e os nossos mecanismos de defesa.

Hórton e o mundo do quem

maxresdefault

O filme é uma grande inversão entre o mundo da fantasia e o mundo real.  O elefante Horton é um professor muito imaginativo e em um belo dia, enquanto estava em mais uma de suas aventuras com as crianças, ouve um pequeno barulho perto dele, vindo de um lugar onde ninguém poderia imaginar: um grão. Espantado e ao mesmo tempo curioso, ele decide verificar se realmente existe vida dentro daquilo, e começa a conversar com o grão. consegue fazer contato com alguém.  Seu nome é Ned, e é o prefeito da cidade que fica dentro do grão, chamada Quemlândia.

A partir daí começa uma linda amizade entre o Horton e o seu novo amigo imaginário Ned.

Quadrinhos: Calvin e Haroldo

Calvin é um garoto de seis anos de idade cheio de personalidade, que tem como companheiro Haroldo, um tigre sábio que para ele está tão vivo como um amigo verdadeiro, mas para os outros Harold não é mais que um tigre de pelúcia.

De acordo com algumas visões, as fantasias mirabolantes de Calvin constituem frequentemente uma fuga à cruel realidade do mundo moderno para a personagem e uma oportunidade de explorar a natureza humana para o autor, Bill Watterso.

Indicação de bibliografia para aprofundar o tema

  • FREUD, S. (1909). Análise de uma fobia de um menino de 5 anos. In: Obras psicológicas Completas de Sigmund Freud. Vol.X .Rio de Janeiro: Imago, 1988._________ (1923). O ego e o id. In: Obras Completas. Edição Standart Brasileira. Vol. XIX, Imago, 1988.
  • KLEIN, M. (1982). Sobre a Teoria da Ansiedade e Culpa. In: Os Progressos da Psicanálise. Rio de janeiro: Editora Zahar.
  • PIAGET, J.; INHELDER, B. A psicologia da criança. São Paulo: Difel, 1980.
  • WADSWORTH, BARRY J. Inteligência e afetividade da criança na teoria de Piaget. São Paulo: Pioneira, 1997.
  •  WINNICOTT, D. O brincar e a realidade. Rio de Janeiro: Imago, 1975.
  •  WINNICOTT, D. “Objetos Transicionais e Fenômenos Transicionais”. In: Da pediatria à psicanálise. Rio de Janeiro: Imago, 2000.