Atividade: Lidando com a Raiva

Fonte: Tribuna FT

Atividades/Relatórios/Socioemocional
0 Comments

Atividade: Lidando com a Raiva

Sentir raiva não é errado.

Desde crianças somos ensinadas que a raiva é uma emoção negativa, feia e típica de pessoas mal-educadas.  E muitas vezes a criança sente raiva e não sabe lidar com esse sentimento, pois ela acredita que se demonstrar irritação e raiva, ninguém vai gostar dela.

O problema não é sentir raiva, mas sim não saber lidar com ela.

Por isso preparamos uma atividade bem legal para você ensinar seus alunos a lidar com esse sentimento tão explosivo e impulsivo.

Objetivo

  • Promover a regulação do comportamento em situações conflitantes.

Descrição da Atividade

Quando estiverem chateadas ou nervosas as crianças podem ser estimuladas a utilizarem a atividade “amigos da respiração”.

Uma outra opção, é a criança se imaginar como sendo um bichinho, por exemplo uma tartaruga, que entra e sai do seu casco. Desta forma, diante de uma “situação-problema” sugerimos que eles parem, cruzem os braços sobre o peito, respirem fundo e deem um nome às suas emoções. É uma maneira de auxiliar as crianças e não agirem por impulso quando estão nervosas e também aprenderem a identificar e nomear as emoções.

Registre!

Em seu registro, dê prioridade a como as crianças lidaram com a raiva.

  • Houve algum comportamento marcante, bom ou ruim? Como foi o relacionamento entre as crianças durante a atividade?
  • Tire fotos do material produzido ou, ainda, filme as crianças brincando e imitando – isso enriquecerá o portfólio delas e será uma ferramenta útil para a avaliação!

CLIQUE AQUI PARA TESTAR AGORA A PLATAFORMA EDUQA.ME 

Registre atividades na Eduqa.me - horizontal

Texto elaborado a partir do material produzido pelo Projeto Pela Primeira Infância. Clique e conheça mais sobre o Projeto Pela Primeira Infância– Programa de Formação em Desenvolvimento Cognitivo Infantil com base nas Neurociências, para profissionais da Educação Infantil

Atividade: Teatro de Máscaras

Fonte: Café del Maro

Atividades/Relatórios/Socioemocional
0 Comments

Atividade: Teatro de Máscaras

O professor pode oferecer às crianças situações variadas e pedir que escolham uma para explorar. Na sequência, pede-se que encenem a situação escolhida usando máscara das emoções (prontas ou criadas previamente pelo grupo). Como sugestão, sugere-se que as crianças estejam estimuladas a encenar:

Situações problemas” vivenciadas na escola

  • Como me senti quando briguei com meu amiguinho;
  • Como me senti no dia do meu aniversário;
  • Como me senti quando meu brinquedo quebrou;
  • Como me senti quando meu amigo me bateu;
  • Como me senti quando fui elogiado;

O professor pode iniciar a atividade fazendo uma breve encenação com as máscaras, para explicar como nos sentimos, e que nossas emoções mudam em diferentes situações. Além de encenar situações. Além de encenar situações , pode fazer perguntas, por exemplo:

  • Como você está se sentindo?

A fim de trabalhar o controle, como lidar com emoções e sentimentos vividos. Por meio do teatro de máscaras, podem ser trabalhadas situações problema, como forma de meditação de conflitos.

  • Registre!

    • Em seu registro, dê prioridade a como as crianças lidaram com as emoções: sentiram-se confortáveis em falar sobre elas? Mostraram interesse e contaram histórias pessoais sobre o tema?
    • Souberam alternar momentos de silêncio e concentração, durante a leitura, com os momentos de conversa?
    • Como está o desenvolvimento da linguagem oral? As histórias tiveram começo, meio e fim? Qual vocabulário elas adquiriram desde o último registro? E quanto à sua fluência?
    • Houve algum comportamento marcante, bom ou ruim? Como foi o relacionamento entre as crianças durante a atividade? Elas trabalharam mais em grupo ou individualmente?
    • Exponha as máscaras na escola ou na sala de aula, para que outras turmas, professores, e pais possam vê-las. Tire fotos do material produzido ou, ainda, filme as crianças apresentando suas máscaras ou fazendo caretas em frente ao espelho – isso enriquecerá o portfólio delas e será uma ferramenta útil para a avaliação!

    CLIQUE AQUI PARA TESTAR AGORA A PLATAFORMA EDUQA.ME 

    Registre atividades na Eduqa.me - horizontal

    Texto elaborado a partir do material produzido pelo Projeto Pela Primeira Infância. Clique e conheça mais sobre o Projeto Pela Primeira Infância– Programa de Formação em Desenvolvimento Cognitivo Infantil com base nas Neurociências, para profissionais da Educação Infantil

Atividade: Dramatização das Emoções

Fonte: Google

Atividades/Relatórios/Socioemocional
0 Comments

Atividade: Dramatização das Emoções

 

O psicodrama é uma técnica psicoterapêutica que visa propiciar uma ação dramática no indivíduo ou num grupo. Trabalha com as relações interpessoais e também com ideologias particulares. Jacob Levy Moreno (1889-1974) foi o psiquiatra romeno, responsável pelo desenvolvimento e criação desta técnica.

Utilizamos o Psicodrama Pedagógico para fixar e exemplificar o conhecimento (como é o caso da atividade dramatizando as emoções); para ajudar alunos ou grupos com problemas disciplinares; para desenvolver novos papéis; para aprofundar e voltar a um tema estudado; para sensibilizar grupos; prevenir situações de ansiedade; elaborar mudanças; avaliar o trabalho em equipe e outras.

O Psicodrama de uma forma geral, traz os conceitos de empatia, espontaneidade e criatividade e a capacidade de se colocar no lugar do outro. Esse conceito é algo que deve estar muito presente nas salas de aula e por isso a atividade dramatizando as emoções passa a ser extremamente significativo e benéfico para a aprendizagem.

Vamos lá?

Fonte: Creche Carmem

Objetivo

  • Criar personagens e/ou histórias, como meio de expressão das emoções.
  • Auxiliar as crianças a reconhecerem que as emoções pode variar de acordo com diferentes situações, bem como aprenderem a lidar com elas.
  • Brincar com a música, imitar, inventar e reproduzir sons;
  • Diferenciar fontes sonoras diversas.

Materiail

  • Imagens que expressem as emoções: alegria, tristeza, medo e raiva (podem usar também as peças criadas para o cartaz das emoções).
  • Massinhas/ pratos descartáveis/ cartolina/ EVAs/ palitos de sorvete/ bexigas/ papelão para elaborar máscaras de emoções.

Descrição

As crianças (individualmente ou em duplas) podem trabalhar com os materiais disponíveis para criar um personagem com expressões faciais que ela eleger.

Dica

Caso necessário, a professora pode expor as principais emoções na lousa, para que as crianças escolham quais querem usar em seus personagens.

Registre!

Para criar registros completos, tanto para a turma quanto para cada criança, acesse a Eduqa.me e faça seu cadastro. Atualize as atividades realizadas em sala de aula e avalie o desenvolvimento das crianças. Depois, gere linhas do tempo com os textos, fotos e vídeos postados, além de gráficos e relatórios criados automaticamente para ajudá-lo a visualizar o crescimento delas com facilidade.

Gostou? Então fique ligado!

CLIQUE AQUI PARA TESTAR AGORA A PLATAFORMA EDUQA.ME 

Registre atividades na Eduqa.me - horizontal

Texto elaborado a partir do material produzido pelo Projeto Pela Primeira Infância. Clique e conheça mais sobre o Projeto Pela Primeira Infância– Programa de Formação em Desenvolvimento Cognitivo Infantil com base nas Neurociências, para profissionais da Educação Infantil

Atividade: Jogo das emoções
Atividades/Registros/Socioemocional
0 Comments

Atividade: Jogo das emoções

Reconhecendo e lidando com as emoções

O desenvolvimento emocional, principalmente nos primeiros anos de vida, contribui para a formação de uma pessoa com maior repertório sócio-emocional, mais apta a solucionar problemas e enfrentar os obstáculos da vida. O jogo das emoções promove um melhor desenvolvimento emocional da criança e pode ser usado em diversas situações durante o período dentro e fora da escola.

O jogo das emoções

Fonte: EnsinoIP

Objetivo

Trabalhar com a identificação e reconhecimento de emoções em expressões faciais por meio do jogo da memória

Material

Imagens retiradas da internet, revistas ou fotos das próprias crianças que expressem as emoções de alegria, tristeza, medo e raiva.

Descrição da atividade

Comece apresentando todas as cartas e nomeando as emoções junto com os alunos, para garantir que compreenderam qual emoção está sendo representada na carta.

Após a apresentação, pedir ( em coro ou alternadamente) que identifiquem quais emoções estão sendo mostradas pela professora.

Usar a forma tradicional do jogo da memória em que a criança deve encontrar os pares.

Dica

Essas peças podem ser usadas para exemplificar como a criança está se sentindo no dia ou numa situação específica. Solicite que a criança escolha a carta que mais represente sua emoção e explique o por quê.

Exemplo de ilustrações das emoções

Registre!

Para criar registros completos, tanto para a turma quanto para cada criança, acesse a Eduqa.me e faça seu cadastro. Atualize as atividades realizadas em sala de aula e avalie o desenvolvimento das crianças. Depois, gere linhas do tempo com os textos, fotos e vídeos postados, além de gráficos e relatórios criados automaticamente para ajudá-lo a visualizar o crescimento delas com facilidade.

Gostou? Então fique ligado!

Texto elaborado a partir do material produzido pelo Projeto Pela Primeira Infância. Clique e conheça mais sobre o Projeto Pela Primeira Infância– Programa de Formação em Desenvolvimento Cognitivo Infantil com base nas Neurociências, para profissionais da Educação Infantil

CLIQUE AQUI PARA TESTAR AGORA A PLATAFORMA EDUQA.ME 

Registre atividades na Eduqa.me - horizontal